Bem-vindo, Inverno!

INVERNO, ALIMENTAÇÃO E IMUNIDADE


  Quais os cuidados que devemos ter com a alimentação no inverno? Durante o inverno, ocorre um gasto energético maior, pois o organismo demanda maior energia para a produção de calor a fim de manter a temperatura corporal por volta dos 36º C ou 37º C. Como conseqüência, para compensar esse gasto energético, é necessária uma ingestão maior de calorias e, por isso, sentimos mais fome.
  Para não cair em armadilhas e ganhar uns quilinhos extras nesta época, é necessário ter atenção à alimentação.
  Nos meses frios, é importante manter uma dieta equilibrada e garantir na rotina alimentar opções saudáveis para balancear com os pratos calóricos, típicos desta estação. Assim, frutas, verduras, legumes e carboidratos integrais (pães, torradas, biscoitos, cereais) devem estar sempre presentes no dia-a-dia, não apenas para manter um peso saudável, mas, também, para evitar elevação nos níveis de LDL, por exemplo, devido à maior ingestão de alimentos gordurosos.  
  Além dos cuidados com o ganho de peso gerado pelo aumento do apetite, o inverno também caracteriza-se pela maior incidência de gripes, resfriados e doenças respiratórias, por isso, manter uma alimentação equilibrada é fundamental para proteger o organismo. Deficiências de proteínas, vitaminas e minerais, por exemplo, podem levar a um sistema imunológico debilitado.  
 

Por isso, a Camomila selecionou algumas dicas de ouro para turbinar o seu sistema imunológico nesta época:

 
  • Aumente o consumo de gengibre, pois este possui importante ação bactericida, além de ser fonte de vitaminas C e do complexo B.
 
  • Inclua cogumelos na sua rotina alimentar, pois eles estimulam a produção de células de defesa.
 
  • Garanta o consumo diário de frutas cítricas, pois elas possuem importante ação antioxidante e propriedades anti-inflamatórias. Excelentes para o bom funcionamento do sistema imune.
 
  • Incorpore as castanhas no seu dia a dia. Elas são ricas em zinco, selênio e vitamina E, antioxidantes que turbinam nosso sistema de defesa.
 
  • Vegetais verdes escuros para o almoço e jantar. Rúcula, brócolis, couve, espinafre, couve de Bruxelas, as opções são variadas. Esses vegetais atuam na maturação das células imunes, ajudando na resistência às infecções.
 
  • Iogurte para os lanches. Rico em lactobacilos que melhoram a flora intestinal e fortalecem o sistema imunológico.
 
  Estas dicas ajudam a prevenir algumas doenças típicas da estação? Uma dieta adequada possibilita que o sistema imunológico desempenhe corretamente suas funções e proteja nosso organismo de maneira satisfatória.
  Não existe alimento milagroso, pois eles não tratam diretamente a gripe, o que eles fazem é atuar em conjunto com o sistema imunológico, por isso a recomendação de uma alimentação completa e balanceada. O ideal é a variedade no consumo destes alimentos.  
  Adianta tomar vitamina C? É necessário ter cautela com suplementos de vitamina C, pois a alimentação, por si só, já satisfaz nossas necessidades diárias deste micronutriente, assim, o excesso advindo desses suplementos pode aumentar os riscos de cálculos renais. Doses medicamentosas apenas com prescrição médica!  
  Além disso, veja algumas dicas comportamentais que podem atuar como fortalecedores do nosso sistema de defesa:  
 
  • Evite estresses;
 
  • Durma bem;
 
  • Beba muita água (a água evita a desidratação e auxilia reduzindo o período de infecções e febre, além de prevenir o ressecamento do nariz e garganta. Chás podem ser uma boa pedida para alcançar a recomendação de consumo diária);
 
  • Mantenha bons hábitos de higiene.
Publicado em 15/12/18